jun 11, 2018

5 formas de fazer seu dinheiro te ajudar

O ano de 2018 está sendo, para algumas pessoas, um ano de muitos desafios, principalmente na área financeira. Percebo que tem sido difícil para empreendedoras manterem suas contas em dia. Respire. Vamos ao que interessa? Eu vou contar para você 5 formas de fazer seu dinheiro te ajudar ao invés de te atrapalhar!

Dinheiro. Tem gente que vive por ele e tem gente que vive com ele. Estar equilibrada financeiramente é a meta de toda empreendedora, mas nossa carreira recebe diversas mudanças. Como eu posso ficar equilibrada com tudo isso? Você pode diminuir a intensidade destas oscilações e vou te dizer agora a primeira forma de fazer seu dinheiro te ajudar, ao invés de te atrapalhar.

Redefinir suas necessidades

Nós vivemos em um ambiente social que diz que você “merece” tal produto ou precisa de outro, por diversos motivos. Para quem não tem de forma clara suas necessidades e o que considera suficiente, vai se encontrar consumindo e comprando sem uma coerência. Vai gerar o quê? Gastos supérfluos e descontrole financeiro. Só pare! Vamos lá, o que você realmente precisa para viver? Será que o que você “merece” está fora de você, em itens materiais?

Seu objetivo te torna mais focada

Redefinir suas necessidades também ajuda você a ter mais clareza dos seus objetivos. Ter mais clareza dos seus objetivos te torna mais objetiva financeiramente. Então vamos repensar nossos objetivos e o que estamos fazendo para alcançá-lo? Se você ainda não estipulou de forma clara, um objetivo (pessoal ou profissional), apenas pare. Dispersão só vai gerar descontrole financeiro. Afinal, com que realmente importa gastar?

Tenha sempre dinheiro vivo em mãos

Cartão de crédito. Ah, que coisa maravilhosa não é mesmo? Até recebermos a fatídica mensagem “transação não autorizada” ou aquela bomba diretamente da correspondência chamada fatura. Uma forma de fazer seu dinheiro te ajudar é ele estar presente –real- com você. Fazer transações de forma virtual, através de cartões, fica psicologicamente confortável. Isso contribui para um impulso de compra. Ter o dinheiro em mãos te mostra, de forma mais clara e rápida, que você está gastando. Aliado a um objetivo bem definido e uma definição clara das suas necessidades, você estará caminhando muito bem financeiramente.

Negocie suas dívidas

Caso você está esteja em uma situação complicada financeiramente, vamos ser realistas. Não adianta empurrar a situação para o próximo mês. Aliás, isso só piora! Chegou a hora e encarar de frente e negociar. Vá até o estabelecimento e negocie, enxugue o que puder de juros e estabeleça uma cota para quitar de uma vez sua dívida. Você vai se livrar de uma vez por todas da situação que te tira o sono de uma forma bem mais prática do que sua ansiedade e expectativa mostram para você.

Faça o dinheiro andar

Você tem dinheiro em casa parado, tenho certeza. Como assim, Patricia? Eu vou te dizer. Seu guarda-roupa está lotado de roupas que você nem usa? Acessórios que nunca viram a luz do Sol? Algum móvel que você só atura dentro de casa? Faça dinheiro com eles! Desapega de coisas que não te acrescentam e aumente, nem que seja um pouco, a sua renda. Há diversas formas de vender estes produtos! Hoje há marketplaces segmentados e com um ambiente bem intuitivo para que compradoras e vendedoras possam atuar de forma confortável. Então, porque você não se livra logo dessas coisas que não te definem e nem contribuem com a sua vida? É a melhor coisa que você pode fazer com estas coisas!

Bom, ainda há outras formas de fazer seu dinheiro te ajudar ao invés de te atrapalhar. Caso goste do assunto, comente aqui ou no perfil que eu irei me aprofundar mais no assunto. Eu falo mais sobre finanças neste texto aqui. Não deixe de compartilhar este conteúdo para que mais e mais mulheres possam alcançar seus sonhos através do empreendedorismo e ter independência financeira!

Um beijo, tchau!

*****

Assine a newsletter e receba informações valiosas

sobre empreendedorismo e tudo que envolve o universo #elasonhaelafaz.

http://bit.ly/ListaDaPatri

Deixe seu comentário!