jan 30, 2019

Dicas básicas para você evitar o cheque especial

Opa, tudo bom?

Espero que sim! Hoje eu vim falar com você que já teve experiências tensas com o cheque especial.

Sim, este recurso bancário que a gente conhece bem e que parece tentador quando não estamos lá muito bem financeiramente, não é mesmo?

Quando o assunto é gerenciar financeiramente um empreendimento, todo planejamento é pouco. Mas podemos ser surpreendidos por algum imprevisto que nos faz gastar mais do que esperamos.

É aí que algumas pessoas recorrem ao cheque especial. Tudo bem se você usar uma vez, mas não é bem assim que geralmente as pessoas usam!

Sabia que 46% dos consumidores usam o cheque especial todos os meses do ano e que 30% já ficaram com nome sujo por não cobrir o limite do cheque especial?

O negócio é complicado, meu povo! Só quem ficou com as contas ali, na corda bamba, sabe como é complicado usar o cheque especial.

É por isso que euzinha aqui vim para compartilhar algumas dicas básicas para você evitar o cheque especial. Vamos lá?

1) Mude a forma como você vê o cheque especial

Tem muita gente que acaba vendo aquele crédito especial ali na conta, bem bonito, de bandeja para usar, né? Fica tentador! Com isso, a gente acaba achando que o cheque especial é parte do seu salário.

Isso com certeza não faz parte da sua renda!

O mais adequado é você administrar seus gastos de acordo com o valor dos seus ganhos, somente. Seu salário pode ser usado de uma forma mais planejada. Isto irá te proporcionar muito mais tranquilidade financeira, tenho certeza!

2) Conheça os juros do cheque especial

Grande parte dos consumidores desconhece as taxas de juros cobrados pelo cheque especial. Segundo uma pesquisa feita pelo SPC e o CNDL, em 2018, são cerca de 65%!

É muita gente que utilizou este tipo de crédito sem saber o valor altíssimo das taxas de juros cobradas pelos bancos.

Então, pra você que ainda não se endividou com o cheque especial, uma dica valiosa: Separe um pequeno montante do seu salário para cobrir imprevistos e emergências que possam a vir. Como você faz isso? Revendo seus gastos e cortando ao máximo gastos que podem ser evitados. Enxugar seus gastos é possível sim e tem uma playlist no meu canal que pode te ajudar!

Patricia, eu já estou endividada com cheque especial. O que eu faço?

Olha, se você já está com problemas para pagar suas dívidas, incluindo a do cheque especial, você pode começar por se planejar para pagar as dívidas com as maiores taxas. Liste as taxas de todas as suas pendências e comece por aquela que tem o maior valor percentual.

Outra dica valiosa é buscar a negociação. Hoje é possível realizar negociações de dívidas de uma forma que fique bem mais leve para pagar. Inclusive existe uma forma de fazer renegociações online, o link está aqui. Explore bastante as suas possibilidades e não tenha receio de negociar. A oportunidade está aberta para qualquer uma e você pode pagar sim, pagar suas dívidas.

Bom, espero que este texto tenha te ajudado. Problemas financeiros literalmente tiram o nosso sono e nossa paz, mas eu sei que você pode solucionar isto e crescer ainda mais.

Compartilhe este texto e ajude outras pessoas a administrarem suas finanças.

Comenta lá no @elasonhaelafaz se você tem sugestões, dicas, críticas ou compartilhar sua história.

Um beijo, tchau!

Deixe seu comentário!