ago 22, 2018

Planejar para criar. Como isso pode me ajudar?

Opa, tudo bom?

Estamos chegando no final de agosto! E aí, foi rápido? Demorou, como sempre?

Com isso, lembro que o ano já está chegando ao fim. Quando trabalhamos com empreendimentos próprios, estamos fadados a se planejar para o que projetamos no futuro. E é necessário para nós, planejarmos nossas ações e tornar mais palpável as nossas ideias.

Vou compartilhar com vocês a ideia de que planejar para criar é mais do que importante na minha e na sua vida. Vamos lá?

Porque planejar?

Porque, mais do que nunca, somos demandamos por ideias, criações úteis e que levem soluções para as pessoas. É a base do empreendedorismo! E a ideia por ela mesma, é só um pensamento que pode fugir da gente num instante. Por isso, a gente busca intensificar a ideia, trabalhar e colocar no papel nossos pensamentos, projeções e criações. Dessa forma, conseguimos entender melhor o que é proposto e dar o primeiro passo para tornar real.

É muito importante entender a importância do planejamento criativo dentro do contexto do seu trabalho, do seu business. Além disso, para criar, é necessária liberdade de pensamento e reflexão. Muita gente acha que planejar é o oposto disso, mas não é. Neste caso, vamos ver que planejamento criativo vai nutrir o seu potencial de propor soluções e ideias.

Como este planejamento vai me ajudar?

O planejamento criativo, como o nome diz, vai ajudar você a estruturar as suas criações futuras. Dessa forma, você tem mais espaço mental e temporal para colocar a sua cabeça e da sua equipe para trabalhar com todo o gás. Aqui a intenção não é planejar projetos, e sim a sua criatividade. Planejamento de projeto é outra coisa, que pode ser abordado aqui (comente aqui embaixo se quiser!).

Planejamento criativo como fazer - planejar para criar

Outro ponto vai que te ajudar muito é a capacidade do planejamento esvaziar sua mente. Me diz uma empreendedora que não é cheia de ideias, o tempo todo? Pois é! Isso é ótimo, mas tudo tem seu momento. Ter a mente vazia, às vezes, te dá um gás ainda maior.

Mais um ponto interessante de planejar para criar: Você promove a ação! Não é que você vá fazer exatamente tudo o que colocou no papel, mas você terá ação. Como assim, Patricia? A gente não vive uma realidade com poucas mudanças no cotidiano, ao contrário. Vivemos mudanças a todo instante e aceitar isso vai te ajudar a não se frustrar por não ter feito exatamente o que foi planejado. Até porque, muito do que foi imaginado lá atrás pode ser melhorado com a vivência do futuro que você imaginou que seria.

Vamos ao que interessa? Como planejar para criar?

Primeiramente, é preciso que você fragmente seu planejamento trimestralmente ou semestralmente, de acordo com a sua realidade. Isso vai te ajudar a entender melhor as ideias que você colocou no papel. Outro benefício de fragmentar seu planejamento é que assim você vai ter que revê-lo periodicamente. A gente precisa rever o que foi planejado para analisar e decidir se é exatamente o que será feito é o planejado ou sofrerá mudanças. De novo, é normal e, muitas vezes, necessário fazer mudanças no que foi pensado. O importante é fazer!

Outro ponto que precisa ocorrer sempre em um planejamento é comunicação. É essencial que você comunique com seus parceiros e colaboradores o que foi abordado no planejamento, se não os benefícios do que foi feito só ficará com você e ninguém poderá colaborar com seu negócio com bom alinhamento. O ideal é que sua equipe participe com você.

Com sua equipe, parceiros e parceiras, ou sozinha mesmo, pegue o que for melhor pra anotação (post-it, bloquinho, papel solto, caderno…) e canetas. A forma tem que ser agradável para você, então você decide como vai ser. Com isso, a gente vai estruturar nossa conversa (porque planejar para criar tem conversa, ideias rolando, algo bem fluido) através de uma lista de assuntos. Estes assuntos quando fechados, irão concluir as etapas do que você precisa para criação. Os assuntos são: Pessoas, áreas (do negócio), processos, ferramentas, reuniões e rituais, conteúdo, ofertas, projetos, datas, eventos, metas.

Com esta lista, você ou seu grupo estabelece as ideias, soluções e criações para cada assunto da sua lista. Não há uma ordem nesta lista, tá? Você e/ou sua equipe irá colocar no papel estas ideias, soluções e criações de forma a montar um mapa. O post-it nesse ponto funciona bem! Vai organizando os pontos até forma um mapa, dentro o período estipulado (3 meses, 6 meses, 1 ano). Com a organização de cada assunto, uma etapa do planejamento vai sendo feito até fecharem todos os assuntos. Simples, né? Mas funciona muito bem para organizar a criatividade (sua e da sua equipe, se tiver uma).

Aí em cima eu deixei um exemplo de como fica, geralmente, as ideias colocadas no papel. Fica muito parecido com um mapa mental! Aliás, se você não sabe o que é, comenta aqui embaixo que eu posso falar sobre isso.

Bom, é isso! Espero muito que tenha gostado, que este conteúdo te ajude a produzir mais e criar com qualidade. Compartilhe este texto com outras pessoas e as ajude a realizarem seus sonhos através do empreendedorismo. Comente aqui embaixo o que achou do texto, se você tem outras formas de planejar para criar ou sugestões.

Um beijo, tchau!

*****

Assine a newsletter e receba informações valiosas

sobre empreendedorismo e tudo que envolve o universo #elasonhaelafaz.

http://bit.ly/ListaDaPatri

Deixe seu comentário!