jun 13, 2018

Somos péssimos usuários do tempo. E te digo o porquê.

Tempo é algo que nos tira o sono, atualmente. Alcançá-la parece uma corrida sem fim e usufruí-la plenamente nos dá a impressão de ser uma grande ilusão.

Bom, vamos ser realistas? Somos péssimos usuários do tempo.

Existem alguns motivos que nos definem como má administradoras do tic-tac e, tendo uma visão mais ampla da forma que nos comportamos, dá um grande auxílio para que possamos escolher a mudança com mais objetividade.

Começando com a procrastinação. Do clicar da caneca ao rolar do feed de notícias, qualquer coisa nos transforma em procrastinadores. Eu já falei sobre isso em um vídeo e pode te ajudar mais. Voltando, focar em suas tarefas, atualmente, é um desafio enorme por conta dos inúmeros estímulos que recebemos por dispositivos. Se você possui um trabalho que exige conexão à internet, sabe do que estou falando. No entanto, um ponto importante na procrastinação é a perda de tempo devido à falta de vontade. Nós escolhemos perder um tempo, que não volta mais, para satisfazer um prazer momentâneo e efêmero. Percebe?

Outro ponto que podemos citar é a falta de motivação. Grande parte das pessoas que buscam a carreira empreendedora, sentiu alguma vez, ao trabalhar de forma tradicional, a falta de motivação. Quando partem para a sonhada carreira autônoma, se encontra também sem motivação. Como já citei em conteúdos anteriores, a caminhada empreendedora precisa de força de vontade e objetivos claros para que possa avançar.

A força de vontade é o que impulsiona nossas ações. “Quem quer, dá um jeito”, todo mundo já ouviu essa frase alguma vez. Veja que a frase evidencia muito bem que a força de vontade nos move. Ter viva a força de vontade é essencial para qualquer pessoa adulta! E parece que nos esquecemos disso, projetando um cargo motivador, um espaço de trabalho ideal, um salário ideal. Acontece que, para ganharmos no futuro, precisamos “perder” no presente. Isso significa que não adianta ficar parada esperando as coisas acontecerem da forma que você idealizou, se não há nada sendo feito.

“Mas Patricia, eu tenho muita força de vontade!”. Ótimo! Mas isso não é tudo. Força de vontade só te impulsiona. Precisamos de uma direção para caminharmos. Para isso, o planejamento serve. Não só para ficarmos no eixo, mas também para não sairmos dele. Criar formas de manter o foco e planejar possíveis momentos de perda de tempo é importante para continuar trabalhando em prol do seu objetivo. Além disso, definir de forma clara os seus objetivos também é importante para que você saiba onde quer chegar e se esforçar hoje para ser recompensada amanhã. Este vídeo pode te ajudar com isto!

Independente da sua carreira, começando agora, ainda a começar ou iniciada a um bom tempo, perceber que o tempo que temos nunca volta e que cada minuto vale muito para nós, é ter a sabedoria de viver de forma mais consciente, dos seus objetivos, da sua força de vontade, sem se render à procrastinação que gerará frustração no futuro. Somos péssimos usuários do tempo agora, mas podemos melhorar. Você ainda tem tempo para isso.

E aí, gostou do texto? Compartilhe este conteúdo para que mais pessoas possam realizar seus sonhos através do empreendedorismo. Tem algo para acrescentar, dúvidas ou sugestões? Deixe aqui nos comentários!

Um beijo, tchau!

*****

Assine a newsletter e receba informações valiosas

sobre empreendedorismo e tudo que envolve o universo #elasonhaelafaz.

http://bit.ly/ListaDaPatri

Deixe seu comentário!